Eu te incluo, você me inclui, nós incluímos: quanto mais gente, melhor!


Inclusão social, inclusão digital, inclusão escolar.
A palavra “inclusão” torna-se cada vez mais presente no nosso dia a dia, como imperativo para a construção de uma sociedade mais humana e igualitária.
Mas o que falta para nos tornarmos um mundo verdadeiramente “inclusivo”?
A primeira idéia é a de que somente grandes transformações sociais irão nos conduzir até lá. E que nós, pequenininhos, somos vítimas diante de uma estrutura muito maior.
É claro que as pessoas com deficiência, como cidadãos de direito que são, devem exigir de governantes, legisladores e gestores do bem público que façam a sua parte, desenvolvendo políticas, aperfeiçoando e criando leis, melhorando a infraestrutura das cidades para possibilitar-lhes o exercício do direito à convivência e à inserção social.
Mas as principais mudanças para que a inclusão seja efetiva precisam ser feitas dentro de cada um de nós, todos os dias.
Hoje, no Dia Internacional da Síndrome de Down, reforçamos o pedido feito no tema da campanha brasileira deste ano: Inclusão Acontecendo – Amplie este exemplo.
Independente das grandes decisões, sempre há, ao nosso lado, o que fazer para que vivamos num ambiente mais inclusivo e acolhedor. Faça a sua parte!
É a partir das pequenas mudanças que os paradigmas são transformados.

8 Comentários

Arquivado em Quebrando barreiras

8 Respostas para “Eu te incluo, você me inclui, nós incluímos: quanto mais gente, melhor!

  1. Aline

    Olá ana Paula tudo bom? Quem está te escrevendo é Aline T.O (que foi T.O de Sophia). Queria saber como está Sophi?! Mande notícias. Bjs para vocês três.

    • barrigainclusiva

      Oi Aline!!

      Que bom que você nos escreveu. Sophia está ótima, e saiba que você contribuiu muito pra isso.
      Um beijo bem grande pra você também!

  2. Olá Aline,

    Parabéns pelo blog, fantástico o depoimento em “A dona da Barriga”! Faço parte de uma instituição de Santa Catarina que trabalha a inclusão há 31 anos. O Centro de Intervenção e Estimulação Precoce Vovó Biquinha é a primeira escola inclusiva de nosso estado. Além do programa de creche e pré escola inclusiva, temos um programa de estimulação de bebês cujo principal objetivo e transformar pais em agentes estimuladores. Ficaríamos felizes em manter contato e se você divulgasse nosso site!
    Abraços,
    Juliana Kael
    CIEP Vovó Biquinha
    http://www.vovobiquinha.org.br
    47 3344 0890

    • barrigainclusiva

      Olá Juliana!

      Obrigada pela sua visita e pelo seu comentário. Apesar de um pouco atrasado, o seu link será divulgado no nosso blog. Afinal, devemos todos nos unir quando se trata de iniciativas inclusivas.

      Um abraço!

  3. leonardo gontijo

    olá parabéns pelo blog e trabalho. Segue blog do livro que escrevi e da temática SD. abraços e vamos juntos

    http://www.editorasaojeronimo.com.br/manodown/

    • barrigainclusiva

      Leonardo,

      fiquei muito emocianada com o seu relato. Espero que minhas filhas cresçam e se tornem grandes amigas como você e o seu irmao. Linda a história de vocês, inspirador o seu amor pelo seu Mano Down.
      Vamos juntos, afinal estamos no mesmo barco!!!
      Um abraço!

  4. Camilla Alvarenga

    Boa tarde gostaria de fazer uma visita para me associar mais com as crianças e mostrar minha filha como a vida de quem tem down realmente. gostaria de saber como faço para ir se e marcado a visita desde já agradeço pela resposta.

    • barrigainclusiva

      Cara Camilla,

      Iria recebê-la com carinho mas no momento estou morando na Alemanha.
      Entre em contato com alguma associacao ou grupo na sua cidade (nesta página há alguns links), talvez você possa levar sua filha para participar de algum evento.
      Posso te fazer uma sugestao? Ao invés de querer mostrar o que há de diferente na vida de uma pessoa com síndrome de Down, tente mostrá-la que a síndrome, assim como outras deficiências, nao impede que a pessoa tenha as mesmas necessidades e vontades, e portanto os mesmos direitos, de qualquer pessoa.
      Se tivéssemos uma sociedade ainda mais inclusiva, com certeza você nao precisaria buscar este convívio.
      Parabéns pela iniciativa!
      Um abraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s